Mundo Gonzo #72: Dicas de leituras e Bill Sienkiewicz na CCXP.

Coluna mostra dicas de HQs/Mangás e a volta de Bill Sienkiewicz ao Brasil.

Bem-vindo ao meu mundo.

Que ano estranho, não acham? Mais um daqueles que fizeram nossa cabeça nos quadrinhos se foi. Steve Dillon morreu. Alguns amigos encontraram com ele na NYCC e confirmaram que era um cara muito legal. Muitos não gostavam do seu traço, mas quem liga pra esses muitos? Eu sou fã, culpa do Preacher, Hellblazer, Miracleman, Justiceiro, Homem-Animal, todos estes tiveram as mãos de Dillon no comando. Todos ganharam vida com ele. E são eles que vão deixar a memória de Steve Dillon viva.

Espero que mais nenhum herói nos deixe este ano. Deixo aqui uma foto uma foto da última NYCC onde Steve Dillon estava fazendo o que mais gostava: Desenhar!

“Vamo que Vamo”.

” It was the time of the preacher when the story began
Of the choice of a lady and the love of a man
How he loved her so dearly, he went out of his mind
When she left him for someone, she’d left behind
An’ he cried like a baby
He screamed like a panther in the middle of the night
An’ he saddled his pony
An he went for a ride”


DICAS E MAIS DICAS

Muita coisa rolou desde que a última coluna foi ao ar:
Saíram os trailers de Guardiões da Galáxia 2 e Logan, que será o último filme do Hugh Jackman como Wolverine, ao menos ele diz isto;
Frank Miller, confirmando que vai voltar ao Brasil;
A LEGO vai vender o Submarino Amarelo com os Beatles;
Bob Dylan ganhou o Prêmio Nobel de Literatura 2016;

Caramba! Ufa! Bem, houve muito mais e que não vou lembrar agora.

Daí, ao mesmo tempo pintaram algumas coisas legais para ler aqui e que listei algumas no novo vídeo do Mundo Gonzo. Espero que curtam. Não esqueçam de continuar na coluna. Tem mais uma novidade no dia de hoje.


BILL SIENKIEWICZ NA CCXP 2016

Elektra de Bill
Elektra de Bill Sienkiewicz

Bill Sienkiewicz já esteve no Brasil, lá nos anos de 1990 ele participou de um evento aqui no Rio de Janeiro. O tempo passou, muito tempo diga-se de passagem, e agora ele está de volta na terceira edição da CCXP.

Sienkiewicz é homem cheio de prêmios e histórias. Já venceu Eisner de 2004 pelos desenhos da HQ Sandman: Noites Sem Fim (roteirizada por Neil Gaiman). Bill é um dos artistas mais influentes de sua geração, chamando a atenção de toda a indústria a partir da década de 1980.

Clássicos como as séries Elektra: Assassina e Demolidor: Amor e Guerra, da Marvel Comics, ao lado de outro mito e convidado da CCXP, Frank Miller. Ah, e uma novidade, Frank Miller confirmou a ampliação de sua participação na CCXP não só para quinta e sexta-feira, mas também para sábado e domingo, estendendo sua programação no evento e as oportunidades da gente conseguir esbarrar com o homem.

Voltando ao Bill, artista de formação clássica, incorpora elementos abstratos e expressionistas em seus trabalhos, além de combinações de pintura a óleo, acrílico, aquarela, colagens, mimeógrafos, entre outras técnicas poucas vezes utilizadas em quadrinhos anteriormente. Já passou com seu traço em revistas como Quarteto Fantástico, Cavaleiro da Lua, Novos Mutantes, Blade e Capitão América na Marvel, e Aquaman, Superman e Batman, entre outros, na DC.

A programação de Bill Sienkiewicz e de Frank Miller durante os 4 dias do evento será divulgada em breve. Então é bom ficar ligado e passar por aqui no Mundo Gonzo.

A CCXP – Comic Con Experience 2016 acontece entre 1 a 4 de dezembro no São Paulo Expo.


É isso pessoal, a coluna fica por aqui, mas tem muita coisa boa no site. Pode olhar com carinho que o pessoal tá fazendo cada artigo tão legal que fico aqui louco para ler a próxima de cada um. A gente se esbarra por este mundo. Até o próximo Mundo Gonzo.

Ah, não esqueçam de deixar um comentário aí, eu não mudei, continuo cheio de vontade de conversar com vocês!

Vamos lá, participem!

The following two tabs change content below.

Cassiano Pinheiro

Criador do Mundo Gonzo, Jornalista, apaixonado pelo mundo das HQ's e outras nerdices. Jogando na mega-sena para ficar rico e custear meus gastos em HQs. Desenhista, beatlemaníaco e louco por uma boa cerveja.