Mundo Gonzo #1 : Orelhas apagadas, Hulk vazando e febre nipônica

Bem vindo ao meu mundo!

Estava pensando no que escrever nesta primeira coluna, tenho tanto para falar, tão pouco tempo para escrever. Decidi ir no que eu mais gosto, falar de HQs e outras coisas que me cercam. Resolvi então dividir por tópicos. Pois, amigos, as coisas vêm e vão na minha cabeça com um facilidade que eu nem mesmo lembro o que escrevi nas linhas de cima.

Novas séries na WB (Canal Warner)

Não, eu não assisti. Na verdade tive medo de ver. Sabe, por mais que falem bem, eu vi Arrow… e não curti nem um pouco (deve ter um monte de fãs aqui). Meu medo com Gotham e Flash é sentir a mesma coisa. Já passei por isso em Smallville, fiquei anos assistindo aquela coisa, sempre dando uma chance: “a próxima temporada vai ser melhor”, doce ilusão. Prefiro esperar pra ver se aparece tudo no Netflix. Fiz isso com Agents of S.H.I.E.L.D., e digo pra vocês que foi uma boa escolha. Não sofri esperando o episódio seguinte, vi cinco seguidos, me agradou e continuei com a série. Espero fazer o mesmo com Gotham e Flash, a não ser que vocês me façam mudar de ideia.

Gotham. Será que faz jus ao universo do morcego?

Gotham. Será que faz jus ao universo do morcego?

The Flash - Não to correndo pra ver.

The Flash – Não to correndo pra ver.

Fui pego pelo Holy Terror

Todos sabem que o Frank Miller não anda muito bom da cabeça. Anda escrevendo umas coisas meio loucas, apesar de eu ter ‘entendido’ O Cavaleiro das Trevas 2, sejamos honestos , ele não anda fazendo nada de bom ultimamente. Holy Terror, o último trabalho de Miller aqui no Brasil, seria uma revista do Batman, mas parece que a DC pulou fora. Frank levou o material para Legendary, apagou as orelhas do Batman (é isso mesmo que você leu, ele meteu a tinta branca/preta e deletou as orelhinhas do Batman nos desenhos) e mandou bala. A revista é um preconceito étnico do início ao fim. Mas tenho que dizer que ela me arrancou algumas risadas, mas também me deixou sem chão, tipo: “cara, não acredito que ele escreveu isso!”. Resumo: não vale quanto custa, mas se você receber de presente ou achar no sebo por um preço honesto, pegue. No fim das contas, é Frank Miller.

Holy Terror de Frank Miller - o maior direita dos direitas americanos.

Holy Terror de Frank Miller – o maior direita dos direitas americanos.

Holy Terror tem esse tipo de diálogo. Saúde...

Holy Terror tem esse tipo de diálogo. Saúde…

Sim, Frank Miller fez uma Mulher-Gato sem orelhas, assim como o Batman.

Sim, Frank Miller fez uma Mulher-Gato sem orelhas.

Holy Terror - vai dizer que não parece o Batman?

Holy Terror – vai dizer que não parece o Batman?

Nunca serão!

Típico grito de torcida, mas é bem assim que penso do mangá Kuroko No Basquete – O Basquete de Kuroko. Sério, os japoneses são estranhos. Os caras já publicaram Slam Dunk, uma pequena obra prima do Takehiko Inoue (o carinha que não termina Vagabond). Beleza, Kuroko não é ruim, li de cabo a rabo as três revistas que saíram até agora. Nada me fez rir ou vibrar como Slam Dunk fazia. Deve melhorar, mas não entendo como virou uma febre por lá. Vou continuar lendo, mas, por ora, nunca serão!

Slam Dunk - nunca foi tão legal ler uma partida de basquete.

Slam Dunk – nunca foi tão legal ler uma partida de basquete.

Kuroko no Basket - É legal, mas não toca nem nos dedos dos pés de Slam Dunk.

Kuroko no Basket – É legal, mas não toca nem nos dedos dos pés de Slam Dunk.

Slam Dunk de Takehiko Inoue.

Slam Dunk de Takehiko Inoue.

Vazou, vazou e vazou!

O primeiro trailer de Os Vingadores 2: A Era de Ultron caiu na internet, daí a Marvel, que não é boba, soltou logo a versão em alta qualidade e oficial. Pra quem não viu, veja! Vale cada segundo. Aquela vontade de ver o filme só fica maior. Hulk contra Hulkbuster, quer mais?

Hulkbuster VS Hulk

Hulkbuster VS Hulk

The following two tabs change content below.

Cassiano Pinheiro

Criador do Mundo Gonzo, Jornalista, apaixonado pelo mundo das HQ's e outras nerdices. Jogando na mega-sena para ficar rico e custear meus gastos em HQs. Desenhista, beatlemaníaco e louco por uma boa cerveja.